Cheap NFL Jerseys China Cheap NFL Jerseys Free Shipping Wholesale NHL Jerseys China Wholesale Jerseys From China Cheap NFL Jerseys Free Shipping Cheap NFL Jerseys For Sale Cheap Jerseys Free Shipping Wholesale NFL Jerseys From China Cheap NFL Jerseys Sale Cheap Nike NFL Jerseys China Wholesale Jerseys Free Shipping Cheap NFL Jerseys Wholesale Wholesale NFL Jerseys Online Cheap NFL Jerseys Wholesale Cheap Jerseys Free Shipping Cheap NFL Jerseys China


muito comum em meio a prelees e ensinos bblicos, ouvirmos oradores destilando versculos bblicos sem, no entanto, saber o seu real significado. O pastor Ciro Sanches Zibordi escreveu um brilhante livro sobre o assunto "Erros que os pregadores devem evitar", editado pela CPAD, trabalho este que indico a todos quantos queiram se livrar das exposies e interpretaes equivocadas da Bblia e dos jarges evanglicos infundados. Faa uma visita ao blog do Pr. Ciro: www.cirozibordi.blogspot.com

Nesta oportunidade listarei dois versos bblicos que tm, no poucas vezes, recebido interpretaes equivocadas:

  • Letra assassina

Porque a letra mata e o esprito vivifica? II Cor. 3.6

Freqentemente tal versculo utilizado no sentido de se desvalorizar os estudos e o conhecimento, especialmente o secular. Segundo tal inferncia, a letra em questo, diz respeito a letra do conhecimento.

Recentemente, inclusive, tomei cincia de uma festividade de novos convertidos em que o tema foi exatamente tal passagem bblica, baseado nesse pensamento genuinamente equivocado.

No preciso muito conhecimento bblico-teolgico para se depreender do texto sob anlise que Paulo est fazendo referncia letra da lei, e no ao conhecimento. Veja-se que o captulo em que o versculo est inserido tem como tema principal a diferena entre o ministrio do Antigo e do Novo Testamento, fato este que pode ser plenamente verificado nos versculos posteriores, onde Paulo escreve:

O ministrio que trouxe a morte foi gravado com letras em pedras; mas este ministrio veio com glria que os israelitas no podiam fixar os olhos na face de Moiss, por causa do resplendor de seu rosto, ainda que desvanecente v. 7 – NVI

Ao comentar aludida passagem bblica, a Bblia de Estudo NVI, explica:

Letra o sinnimo de lei como padro exterior, diante da qual todas as pessoas- por serem transgressoras – constam como culpadas e condenadas morte. Por isso apresentada como o ministrio que trouxe a morte e o o ministrio que traz condenao (v. 7,9). Por outro lado, o Esprito que d vida o Esprito do Deus vivo, que, cumprindo a promessa da nova aliana, escreve a mesma lei no interior, ‘em tbuas de coraes humanos.

Ademais disso, a Bblia se interpreta nela mesma. Nesse sentido, em nenhuma ocasio a Palavra de Deus desvaloriza o conhecimento, pelo contrrio, ela incentiva todo cristo a busc-lo.

Antes crescei na graa e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. II Pedro 3.18

D instruo ao sbio, e ele se far mais sbio; ensina ao justo e ele crescer em entendimento. Provrbios 9.9

Por esta razo, ns tambm, desde o dia em que o ouvimos, no cessamos de orar por vs, e de pedir que sejais cheios do conhecimento da sua vontade, em toda a sabedoria e inteligncia espiritual Colossenses 1.9

Portanto, a letra do conhecimento no assassina como pensam alguns, pelo contrrio, assassina a interpretaes errnea.

Coisas que sero acrescentadas

 

Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justia, e ???? vos sero acrescentadas. Mateus 6.33

Antes de demonstrar o erro que geralmente ocasionado em referncia ao versculo bblico em Mateus 6.33, peo a voc que complete o pontilhado acima com a palavra ou as palavras que esto ausentes. (sem consultar sua Bblia, claro!).

Pronto?!

Pois bem, quando fao esse pedido para meus alunos as respostas mais comuns so: Todas as coisas, todas as demais coisas. Qual foi a sua resposta?

Essa uma tpica passagem bblica em que as palavras que a compe no so devidamente observadas. No subconsciente da maioria das pessoas o versculo bblico seria completado com Todas as coisas ou todas as demais coisas?, resultado exatamente da quantidade de vezes que ouvimos tal expresso em nosso cultos ou ensinos. Porm, nenhuma dessas expresses apresentadas esto certas, pois, segundo Mt. 6.33 as palavras ausentes so: todas estas coisas. Se voc acertou, meus parabns!

Existe muita diferena no sentido do versculo caso os termos sejam alterados?

Sim, e muita diferena. Vejamos:

A partir de Mt. 6.25 Jesus comea a falar acerca dos cuidados e inquietaes que afligiam os seus seguidores ( e todos ns cristos, de uma forma geral). Ele diz:

No andeis cuidadosos quanto vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber, nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. No a vida mais do que o mantimento, e o corpo mais do que o vesturio? Mt. 6.25

Cristo, portanto, estava fazendo meno s necessidades bsicas de todo o ser humano: Comida, bebida e vestimenta.

Na seqncia, o Mestre demonstra aos seus ouvintes como Deus prov todas estas necessidades, dando exemplos da natureza como as aves do cu e os lrios do campo. Ainda, diz para no andarem preocupados ou inquietos, afinal, o Pai celestial bem sabe de todas as necessidades do homem (v.32). Exatamente nesse ponto que Jesus pede para buscarmos primeiro o reino de Deus, e a sua justia, e todas estas coisas seriam acrescentadas.

Assim sendo, a expresso [estas coisas] est se referindo quilo que Jesus havia dito inicialmente, ou seja, s necessidades bsicas e fundamentais de todo ser humano (comida, bebida e vestimenta). Se utilizarmos os termos "Todas as coisas ou todas as demais coisas" estaremos extrapolando o que a Palavra de Deus diz, dando vazo a expectativas equivocadas. Infelizmente, valendo-se dessa interpretao desvirtuada que alguns pregadores da prosperidade dizem que se buscarmos o reino de Deus e a sua justia, todas as demais coisas nos sero dados, dando, inclusive, exemplo de casas, carros e empregos milionrios.

Ora, Jesus foi enftico. Ele se ateve s necessidades bsicas do homem. Ele no nos prometeu mais do que isso. Agora, se Deus (pode) nos abenoar alm dessas necessidades, a outra histria. Ele poderoso. Ele o Criador. Entanto, no est obrigado a nos servir como se fosse o mgico da lmpada, que segundo o conto, concede desejos a todos quanto a encontrarem.

Para corroborar essa verdade bblica, lano mo das palavras de Paulo:

O meu Deus, segundo as suas riquezas, suprir todas as vossas necessidades em glria, por Cristo Jesus Filipenses 4.19

Veja-se bem, Paulo tambm est falando sobre necessidades.

Na rea jurdica, especificamente no Direito Civil, existe uma distino entre benfeitorias necessrias, teis e volupturias, que pode servir como parmetro para nossa anlise.

Benfeitorias so obras realizadas pelos homem com o propsito de conservar (necessria), melhorar (til) ou embelezar (volupturias) a coisa principal.

Portanto, aes necessrias so aquelas empreendidas com o objetivo de no deixar que a coisa vem a deteriorar ou perecer. Em referncia ao homem, Deus nos d as condies necessrias para a nossa vivncia, as quais representam-se pela comida, bebida e vestimenta.

Aes teis so aquelas que ajudam ou facilitam o uso da coisa. Aplicando-se ao homem, um exemplo de utilidade seria o carro, que facilita sua locomoo e o auxilia nos trabalhos cotidianos. E as volupturias so aes para dar embelezamento na coisa principal, como exemplo, cite-se um relgio rolex ou uma gravata italiana carssima.


   Miniaturas das imagens anexadas:
Outlook.jpg

Outlook.jpg
15.75 KB
cheap nfl jerseys china cheap nfl jerseys free shipping wholesale nfl jerseys china wholesale jerseys from china cheap nfl jerseys free shipping cheap nfl jerseys for sale cheap jerseys free shipping wholesale nfl jerseys from china cheap nfl jerseys sale cheap nike nfl jerseys china wholesale jerseys free shipping cheap nfl jerseys wholesale wholesale nfl jerseys online cheap nfl jerseys wholesale china jerseys wholesale cheap coach handbags outlet authentic designer handbags cheap coach handbags outlet cheap coach purses outlet discount coach bags coach bags sale coach purse outlet cheap real coach purses coach handbags sale online coach purse outlet michael kors outlet online store cheap michael kors bags cheap michael kors purse michael kors factory outlet online cheap michael kors handbags cheap michael kors purses michael kors bags outlet online cheap michael kors purse michael kors handbags discount cheap michael kors purse michael kors handbags discount